facebook-hoover twitter-hoover behanse-hoover ukbettips-hoover
Betting tipsPronosticos apuestasPonturi pariuriPronostici scommesseWetten tippsAposta e Ganha

COPA DO MUNDO FIFA 2014: HOLANDA

A Holanda é, talvez, a única grande seleção a nunca ter conquistado uma Copa do Mundo FIFA.
robinvanpersie
Netherlands' Robin van Persie.

O técnico Louis van Gaal e seu time goleador conseguiram facilmente a classificação para o torneio que será realizado em 2014, no Brasil, e ficam na esperança de que finalmente chegou a sua hora, seguindo os passos da Espanha, vencedora do maior prêmio do futebol há quatro anos.

A chave nas esperanças holandesas para o título é o atacante Robin van Persie, do Manchester United, cujos 11 gols em nove partidas do Grupo D o tornaram o grande artilheiro das Eliminatórias Europeias, e o maior da história de sua seleção. A ascensão de Jermain Lens, atacante do Dínamo de Kiev, dá a opção de um trio de ataque que é completado pelo meia-atacante Arjen Robben, do Bayern de Munique, quando os holandeses chegarem à América do Sul.

O sistema ofensivo, que balançou as redes adversárias 34 vezes e se classificou para o mundial com duas rodadas de antecedência, com vantagem de nove pontos sobre a vice-líder de sua chave, a Romênia, fez algo digno para lembrar da Holanda dos anos 70, dos dias do "Futebol Total", que pareceram esquecidos com a visão mais pragmática do antecessor de Van Gaal, Bert van Marwijk.

Grande maestro do meio de campo holandês nos anos mais recentes, Wesley Sneijder encara uma séria concorrência no time titular, já que Rafael van der Vaart, rival de longa data, pulou na sua frente na posição central do meio graças a cinco gols nas Eliminatórias. No entanto, a maior dúvida de Van Gaal antes da Copa do Mundo talvez esteja sob as traves: Michael Vorm, Maarten Stekelenburg, Tim Krul, Jasper Cillessen e Kenneth Vermeer revezaram no gol durante diversas etapas da campanha.

Krul foi quem começou, na estreia em casa contra a Turquia, onde os holandeses não convenceram completamente os seus torcedores, apesar do gol feito por Van Persie, aos 19 minutos, após cruzamento de Sneijder. Depois, Luciano Narsingh acalmou as coisas nos acréscimos.

Lens deixou sua marca como artilheiro nos 4 a 1 sobre a Hungria, em pleno Ferenc Puskas Stadium. O atacante também abriu o placar quando o placar se repetiu no confronto contra a Romênia, mais uma vez fora de casa.

Além do triunfo de Bucareste, vitórias por 3 a 0 sobre Andorra e Estônia foram contabilizadas, com Van der Vaart marcando em ambos os encontros, antes de fazer a bola girar nos 4 a 0 sobre a Romênia, em Amsterdã. O segundo gol de Van Persie naquela tarde, feito de pênalti, fez com que o jogador do Man.United superasse a marca de 34 gols do ídolo Johan Cruyff.

A perfeita sequência de seis vitórias em seis jogos, deixou a Holanda confortável no Grupo D, mas eles sofreram um baque após empate em 2 a 2 com a Estônia, um resultado que poderia ter sido pior se Van Persie não tivesse salvado a "Laranja Mecânica" com um gol já no final do encontro.

Dois gols do artilheiro garantiram a classificação, obtida contra a Andorra, em setembro. Naquele mesmo jogo, Van Persie superou o número de gols de Patrick Kluivert e se tornou o maior artilheiro da seleção holandesa em todos os tempos. Um hat-trick na goleada acachapante por 8 a 1 sobre a Hungria, deixou o jogador confortável na posição de principal goleador das Eliminatórias. Este histórico jogo também teve boas atuações de Robben e Van der Vaart. Os holandeses também venceram a Turquia por 2 a 0, acabando com as esperanças deste país de disputar a Copa do Mundo. Agora, no Brasil, todos os olhos estarão em cima dos atuais vice-campeões.

Moustache webdesign